Dilma, banda larga e dengue

Estes
três assuntos entram em pauta nesta postagem de hoje.

Dilma
Roussef, ministra-chefe da Casa Civil, neste final de semana foi oficialmente
lançada pelo PT como a candidata deste partido para a sucessão presidencial de
outubro. Mulher, ex-guerrilheira, de personalidade forte e de confiança de
Lula, que atualmente tem sua popularidade na casa dos 80%, já é forte
candidata, mesmo com a liderança nas “pesquisas” até o momento do “governador”
de SP José Serra (PSDB), o mesmo que fugiu do Carnaval paulista por medo das
vaias que receberia (reflexo da sua ‘grande atuação’ para conter as enchentes e
prejuízos acarretados por esta em todo o Estado) e foi pular Carnaval no
Nordeste.

O
estranho depois do lançamento de Dilma foi ela ser capa das principais revistas
conservadoras do Brasil, no caso a Veja e a Época. A gente sabe o quanto esse
pessoal adora detonar Lula e movimentos sociais e fiquei surpreso com as capas.
Mas a maioria de nós não nota é que os recados que estas revistas  querem passar são, na verdade, para a atual
oposição, que, se não se definirem logo quanto à candidatura oficialmente de
José Serra, vão ser “patroladas” pela candidatura petista. Outra intenção, a
meu ver (e no de algumas pessoas da blogosfera) é a de que estas querem dar à
candidatura Dilma “corda para se enforcar”, tentar colocar um clima de “já
ganhou” e fazer com que estes fiquem “de salto alto”, relaxem na mobilização e
acabem perdendo pela possível arrogância que estes semanários tentarão lhes
impôr.

Não
creio que Dilma cairá nesta, porém, toda cautela será necessária. Os grandes
grupos conservadores não deixarão barato e até outubro muito terrorismo será
imposto à sua candidatura. Na verdade, já começou antes, vide exemplo da ficha
falsa do DOPS que a Folha de São Paulo tentou forjar ano passado e uma série de
emails com meias-verdades sobre seu passado e família que já começam a circular
em algumas correntes de emails, ou sobre o tipo de ações que ela imporá se
eleita.

Eu
já recebi uns dois até agora, mas foram mandados a mim para que eu desse a
minha análise.

O
outro assunto que está em evidência é a proposta do Governo Federal em
disponibilizar internet em banda larga através das torres de transmissão de
energia da Eletrobrás. E isso a preços bem acessíveis para a população e com
velocidade de transmissão de dados bem melhor do que as oferecidas para nós em geral. Claro que as
teles estão picando de raiva com isso, dizem ser concorrência desleal e outras
coisas e que, para oferecer uma internet de melhor qualidade e preço, teriam
que investir alto. Tadinhas, nem parece que tiveram lucros de mais de 700
milhões (Vivo) e 1,2 bilhões de reais (Net) no ano passado. Isso já descontado
os impostos pagos…

E
por uma internet bem meia-boca, que nunca chega à velocidade prometida no
contrato. Por exemplo, uma pessoa que conheço tem um plano de 1 Mbps da Vivo,
mas no máximo, a taxa de transmissão é de 5 a 10% da assinada no contrato. Eu, por
exemplo, tenho uma conexão via rádio, no contrato estão acordados 250 kpbs, mas
quando chega a 20% do prometido, é “um milagre”. Alguns sites que visito com
frequência em outros locais, em casa nem consigo abrir…

E
pra encerrar, um grande foco de Dengue assola a “Colmeia” Ijuí. O principal
foco está no bairro São Paulo, bairro próximo do centro da cidade e atrás do
principal hospital da região, o HCI. Este bairro é um dos mais miseráveis da
cidade, famoso pelo seu “beco”, local de moradia de vários assaltantes e
cometedores de outros pequenos delitos na cidade. Ijuí tem vários outros
“becos” com situação parecida, nada mais que o reflexo da falta de
oportunidades que o pessoal dessas localidades recebe não restando alternativas
a atuação criminosa…

O
problema começou quando foi feita a demolição de várias casas nesse bairro afim
da construção de um conjunto habitacional (que leva o nome da finada mãe do
ex-prefeito). Só que os entulhos não foram retirados, e com as precipitações
ocorridas nesses últimos dias (mesmo com vários dias quentes que fizeram),
juntou bastante água parada, local predileto para a reprodução do mosquito.
Hoje de manhã já estava em 1.000 o número de pessoas com suspeita de dengue na
cidade. E o tempo não anda colaborando muito, já que choveu ontem e ameaça
chover mais hoje.

Então
eu vou me cuidar, já que Dengue não é mais só um dos assistentes de palco da
Xuxa… Essa é antiga.

Abs

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Crônicas e textos pessoais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s